quarta-feira, 25 de abril de 2012

25 de Abril

Hoje ficamos a conhecer um pouco da nossa história,  25 de Abril, dia da revolução dos cravos. Este acontecimento tão importante para nós, pois embora não o tivéssemos vivido, determinou  a forma como somos educados e como crescemos. Aprendemos a dar valor a pequenos gestos nossos que as crianças de há 38 anos atrás não tinham, como por exemplo andar na escola com meninas e meninos ou simplesmente cantar as canções que mais gostamos....
Depois de termos conversado, e visto algumas imagens com recurso à internet, colorimos imagens alusivas ao tema:



Aprendemos também a canção da GAIVOTA, e a nossa educadora fez uma gaivota em origami para levarmos para casa e podermos contar aos nossos pais o que tínhamos aprendido sobre esta data tão importante.

 Podem aprender como se faz a gaivota observando este pequeno video:



terça-feira, 24 de abril de 2012

Noticias fresquinhas

As nossas sementeiras ( feijões e sementes de agrião), já tem resultados que puderam ser registados.  Os cabeças de agrião estão muito giros com o seu cabelo de pequenas plantinhas .Pudemos observar que germinaram muito mais rápido no algodão,  que os feijões semeados em terra.

Magda- 5 anos
Os  feijoeiros já germinaram e já podemos registar algumas conclusões:
Os feijões semeados só em água e expostos ao sol, não germinaram, a água cheira mal e está escura.
Os feijões semeados em terra, expostos ao sol, mas sem água, só um germinou, mas a terra está muito seca e por isso ele está muito pequenino.
Os feijões semeados em terra, regados, mas  sem apanhar luz solar, só um germinou, está muito crescido, mas revela uma cor mais clara, um pouco amarelada. Veremos a sua evolução.......
Os feijões semeados em terra, que foram regados e expostos ao sol, 3 deles germinaram e revelam estar muito fortes e saudáveis. Aqui fica o registo destas observações:

Dia mundial do livro

A propósito desta efeméride - Dia  Mundial do Livro, a nossa educadora leu-nos uma história  sobre o livro:« O meu amigo».


Depois desta história conversamos sobre os livros que temos em casa e qual era o nosso preferido. Desde livros de contos de fadas até a livros sobre futebol, cada um de nós manifestou o seu gosto....

video

Aprendemos ainda uma poesia sobre o livro

sexta-feira, 20 de abril de 2012

História « a viagem da sementinha »

Dando continuação ao trabalho sobre a história «  A viagem da sementinha », hoje trabalhamos de uma forma mais focalizada, a expressão oral e a matemática.  A cada um de nós, foi distribuída uma imagem que ilustrava uma parte da história . Com essa imagem construímos uma ou mais frases sobre o que ela retratava, depois colorimos e recortamos. Seguidamente recontamos a história  e colamos as imagens na  sequência correta de acordo com a temporalidade de acontecimentos da mesma. O resultado final foi um cartaz que foi colocado na parede da  nossa biblioteca.


quinta-feira, 19 de abril de 2012

Ainda.... A Sementinha

A nossa educadora descobriu uma canção da sementinha no Youtube, é Brasileira, mas é muito bonita e descreve bem o processo de germinação, por isso  hoje aprendemos esta bonita canção  e até fizemos a sua dramatização . Escolhidos os personagens ( voluntários), fizemos pequenos adereços ( sol, nuvem da chuva e folhinhas ) e toca a cantar !!!
video

 Depois colorimos  uma ficha que  ilustra o tema da canção :


quarta-feira, 18 de abril de 2012

A viagem da sementinha

Hoje foi dia de dar continuidade à historia « A viagem da sementinha». Fizemos a ilustração ( os meninos de 4 e 5 anos) da história, que será para colocar na nossa biblioteca em forma de livro ( plastificado com a maquina, para ser mais resistente) e assim podermos recontar a história sempre que nos apetecer.
Fizemos ainda um puzzle da macieira onde colorimos, recortamos, e colando construímos o puzzle.Os meninos mais pequenos  coloriram uma sequência de 3 imagens ( da semente até à árvore).



terça-feira, 17 de abril de 2012

A viagem da Sementinha

Hoje ouvimos uma história : « A viagem da sementinha ». Com esta história relembramos  o que já temos aprendido e experimentado nestes últimos dias sobre o processo de germinação das plantas.


Depois , ainda experimentamos uma nova forma se semear : Em vez de terra , usamos algodão em rama. Com esta estratégia  vamos poder verificar se as sementes crescem mais rápido ou mais devagar do que na terra, vamos ainda poder ver se as plantinhas que nascem ( agrião) tem mais ou menos tempo de vida que as nascidas na terra.
Para fazer esta experiência utilizamos :
Algodão, copos de plástico, sementes  de agrião
Cada menino tem um copo com sementes
 Agora resta aguardar ....e ver o que acontece. Depois mostramos......
Hoje, fizemos o registo da experiência realizada na sexta-feira: GERMINAÇÃO. A maioria ainda tinha bem presente o  processo que seguimos para a verificação da importância  dos 3 elementos essenciais para as plantas ( terra, água e sol)e fez um registo bastante rico. Agora resta esperar e ir registando as alterações que os feijões vão sofrer, ou não,  ao longo dos próximos dias.  


Continuamos entusiasmados com a nossa horta e por isso hoje plantamos alfaces e tomateiros que esperamos posam vir a contribuir para fazer uma rica salada , para comermos ao almoço....
Todos nos empenhamos muito, cavamos a terra, fizemos pequenos buracos onde colocamos as raízes das alfaces. Os tomateiros, planta mais sensível, para além de ser plantada foi coberta com pequenos ramos para a proteger do sol em demasia. Agora contamos com a chuva para nos ajudar...senão  toca a regar todos os dias para que cresçam  fortes e fiquem cheios de frutos.



sexta-feira, 13 de abril de 2012

Germinação

Hoje, no seguimento do trabalho iniciado ontem com a horta, estivemos a fazer uma experiência- A Germinação

Objetivo:Verificar a importância dos 3 elementos essenciais para o crescimento das plantas ( terra, água e sol )
            
Material:  4 recipientes de plástico transparente ( para podermos acompanhar o crescimento das raízes).
               Feijões brancos
               Água
               Terra
               Caixa forrada ( que não deixe entrar luz)

Procedimento: Colocar terra em 3 recipientes  e água noutro. Em cada um deles, semear 3 ou 4 feijões.
                      Um recipiente  é regado e colocado ao sol.
                      Outro recipiente é regado e colocado debaixo da caixa para não apanhar sol.
                      Outro recipiente é colocado ao sol, mas não é regado.
                      O recipiente com água ( sem terra ) é colocado ao sol.



 



Diariamente será  acompanhada a germinação e crescimento dos feijões, para depois podermos  registar  o que acontece a cada um dos feijoeiros e  registar a conclusão.

quinta-feira, 12 de abril de 2012

A horta...

Hoje foi dia de muito trabalho. Como é nosso habito já de anos anteriores, semear feijões para aprender a conhecer  o processo de germinação, este ano pensamos variar um pouco nas sementes para podermos explorar os diferentes tipos de folha, o tempo que cada semente demora a germinar, saber a diferença entre semear e plantar etc... Como cada um de nós trouxe sementes variadas e não cabiam em caixas/ copos de plástico ( como é costume), então decidimos fazer uma horta no nosso recreio.  A Agostinha trouxe a enxada eletrica e depois foi trabalhar...trabalhar... semear...
Lavramos e amanhamos a terra, semeamos, e até colocamos uma cerca para segurar a terra e a horta ficar mais bonita. Começamos também a fazer as etiquetas das sementes que foram colocadas na terra e amanhã cada canteiro será identificado com o que lá contém semeado.

quarta-feira, 11 de abril de 2012

O Ciclo da água..

Hoje em conversa  no acolhimento, ao falar sobre o tempo,  surgiu a questão:- Porque chove?
A maioria dos amigos mais pequenos simplesmente não soube dar uma resposta. Alguns dos mais velhos disseram:  Chove para regar as plantas e as árvores  ou chove porque Jesus manda chover...
-Donde vem a chuva?
Aqui todos sabemos : A chuva vem das nuvens....
-E como é que ela vai para as nuvens?
A esta pergunta não soubemos responder... Então a nossa educadora propôs fazer uma experiência :
                                                                    FAZER CHUVA

Para esta experiência precisamos de um recipiente de vidro (aquário), água quente, um prato de alumínio e gelo.
PROCEDIMENTO:
O aquário com água quente simboliza a agua aquecida pelo sol. Com o prato fizemos uma nuvem ( envolvemos alumínio de cozinha), que colocamos por cima do aquário. Nesta «nuvem» deitamos gelo  que simboliza o ar mais frio em altitude.
O QUE OBSERVAMOS:
A água quente evaporou-se e ficou condensada  por baixo da «nuvem» (prato). Como por cima da « nuvem » tinha gelo, este vapor de agua arrefeceu e voltou ao estado liquido ( Chuva), por isso ao levantar o prato sobre as nossas cabeças, caíram algumas gotas que nos salpicaram . Foi bem divertido.
O sol aquece a água

A água evapora e vai para as nuvens

Quando o ar arrefece, porque as
nuvens estão muito altas, o vapor
transforma-se  novamente
em gotas de água

As gotas desprendem-se, porque são
muitas e caem em forma de chuva



















Depois de observarmos o que tinha acontecido, fizemos o registo do procedimento e do resultado:



Da parte de tarde, vimos um video, sobre o ciclo da água, no seguinte endereço:
http://www.smartkids.com.br/desenhos-animados/ciclo-da-agua.html

       AGORA JÁ SABEMOS , PORQUE CHOVE E COMO SE FORMA A CHUVA